segunda-feira, 20 de agosto de 2012

COMO ADESTRAR CALOPSITAS


Adestrar Pássaro Arisco
Princípios Básicos para adestrar seu pássaro Arisco...

Sabemos que para termos bons resultados no adestramento de pássaros ariscos e torná-los ótimos pet´s , devemos seguir algumas regras básicas e principalmente fazer com que eles sintam prazer nos exercícios realizados.

Temos que de alguma maneira geral, visualizar o que se passa dentro de seu pássaro de estimação, pois neste momento muitas vezes ela estará em uma situação nova ou em um ambiente novo sentindo medo e sozinho.

Antes de começar, procure de alguma maneira acalmá-lo e deixar que ela sinta-se bem a vontade.

O processo para acalmar seu pássaro de estimação, muitas das vezes pode demorar dias ou até semanas e uma das maneiras que trazem maiores resultados, é procurar se movimentar e falar de maneira suave transparecendo a calma e confiança.

Neste tempo você poderá se familiarizar com seu pássaro de estimação, procurando estabelecer os sinais que seu pássaro transmite em determinadas reações tanto na fala quanto de uma maneira corporal de ambos.

Normalmente quando seu pássaro já começa a demonstrar confiança sob sua presença e próximo de sua gaiola ou até mesmo soltos (não atacando, ou demonstrar agitação), podemos então partir para o passo de adestramento.

Neste processo inicial de adestramento, muitas vezes percebemos que o criador passa por grandes frustrações achando que irá de primeiro momento fazer o pássaro obedecer ao seu comando, e nesta hora devemos nos controlar e mostrar ao pássaro que você está muito contente, mesmo não tendo um bom resultando inicial.

Cada sessão de treinamento dura em torno de 10 a 15 minutos, sabendo que em estudos realizados, é o tempo máximo de concentração de um pássaro.

Neste período deve sempre prevalecer a paciência e muita sutileza ao se comunicar com o pássaro, pois somente assim conseguirá se corresponder no treinamento.

Nunca tente forçar uma situação ou ordenar ao pássaro de maneira rude ao realizar uma ordem não feita no tempo estimado.

Quando o pássaro não acatar a sua ordem, jamais tente ameaçar em bater ou gritar, pois eles entendem isso como "força", e força para eles, são considerados uma grande ameaça para sua vida.

Uma dica muito importante !

Antes de abrir a gaiola para seu pássaro ficar solto, certifique-se que ele esteja com suas penas de vôos contidas e que não tenha nada ao seu redor que venha causar danos e risco a sua vida.

Para treinar qualquer tipo de pássaro, procure usar luvas de couros (ex. calopsitas, agapornis, ring neck, jandaia, roselas) e para psitacídeos de médio e grande porte (ex. papagaios, araras, cacatuas), sempre tenha em mãos uma vareta para guiá-lo.

Umas das maneiras mais simples para se fazer com que o pássaro venha até sua mão é procurar se movimentar de uma maneira bem amigável e de modo lento fazendo com que ele possa perceber todo o processo.

Dessa mesma maneira conduza sua mão ou a vareta (caso seja de médio ou grande porte), até a junção do peito entre as pernas. Com a tomada deste processo, o pássaro deverá subir automaticamente na vareta ou em sua mão e neste mesmo momento você deverá elogiá-lo e se possível agradá-lo caso ele permita - mas não force ok ?

Este processo deverá se repetir por muitas vezes e procure sempre fazer isso ao lado de sua gaiola não afastando muito para que ele não venha se sentir inseguro, pois sua gaiola neste momento será seu porto seguro.

Com o tempo seu pássaro estará mais seguro e assim gradativamente vai afastando-se da gaiola e mantendo ele em sua mão a maior parte do tempo e nunca se esqueça dos elogios.

Caso ele pule de sua mão e caia no chão, tenha calma, espere ele se ajeitar e então faça todo o processo novamente abaixado junto a ele e oferecendo a sua mão transmitindo calma, segurança e principalmente a confiança.

Complementos importantes:

* Sempre quando seu pássaro realizar algum comando solicitado, procure de uma maneira simples e generosa, elogiá-lo oferecendo sempre algo que ele goste muito de comer.

* Procure renovar os seus brinquedos trocando semanalmente (revezando), pois só assim ele estará mais interessados em seus brinquedos e com certeza muito mais feliz.

2° método

2)Sabemos que para termos bons resultados no adestramento de passaros ariscos e torna-los otimos pet´s , devemos seguir algumas regras basicas e principalmente fazer com que sua ave se sinta bem em fazer os exercícios realizados. Temos que de alguma maneira , tentar entender o que se passa com o seu passaro , pois neste momento de adestramento , ele pode estar com medo e sozinho.Antes de começar o adestramento , tente deixa-lo bem calmo, e nunca tente força-lo a fazer nada que ele nao queira!Muitas vezes demora dias para acalmar seu passaro , entao ao se movimentar perto dele seja suave aos movimentos , fale de mansinho com o seu amigo!!Voce terá que se familiarizar com o seu amigo , entao tente fazer com que sua ave pense que voce é do bando dela.Se ela abrir as asas , abra os seus braços , se ela começar a piar , pie junto com ela , e assim em diante!Pronto ! Agora que sua ave ja esta mais familiarizada com voce , vamos começar! Tente fazer exercícios com ela , faça ela subir no seu dedo , agora de vagarzinho , tente colocar ela em seu ombro !!!Pratique essas coisas basicas , que logo logo ela ja estara bem amigavel a voce!Nunca deixe sua calopsita presa o dia inteiro , tente ficar com ela o maximao possivel!! Se ela tem dificuldades em fazer algo como escalar o seu sofá ou entao as suas cortinas , ajude ela , e ela ficara feliz! Se sua calopsita nao gosta de sair da gaiola , tente tirar ela um pouquinho de perto da gaiola , pois elas tratam suas gaiolas como se fossem o seu refúgio!Sempre que seu amigo fizer algo que voce gostou no adestramento , tente agrada-lá com alguma comidinha que ela goste , ou com algum brinquedo dela! Sempre faça carinho nela , em volta de seus ouvidinhos (bochechas alaranjadas) com movimentos leves e suaves!Se sua calopsita abaixa a cabeça para voce , significa que ela deposita muita confiança em voce! Nunca grite com sua calopsita ou chingue ela , pois ela encarará isso como um ataque e ficará com medo de voce! Também existe as calopsitas mais vaidosas (que gostam de se mostrar) , se sua calopsita gosta de aparecer , fica cantando muito alto , deixa as asinhas meio que entre semi-aberta , ergue sua cabecinha , e fica de pontinha de pé ...É por que ela adora aparecer! Entao sempre quando ela vir perto de voce e começar a aparecer , aplauda ela , diga que suas asas sao lindas , que seu topete é muito bonito , etc... Essas tecnicas de adestramento , se aplicada em seu aminguinho , funcionará muito bem.
fonteCalopsitas
3)CORTAR UMA DAS ASAS DELE NO PRIMEIRO DIA COLOQUE ELE NO SEU COLO PARA QUE ELE VEJA QUE VOCE NÃO E UM PREDADOR E NÃO VAI COMÊ-LO. NÃO FAÇA MOVIMENTOS RADICAIS E SE ELE SAIR DO SEU COLO, PEGUE ELE E COLOQUE DE NOVO NO SEU COLO. FAÇA ISSO NO SEU QUARTO E COM AS JANELAS FECHADAS. SE POR ACASO VOCE NÃO CORTAR DIREITO A ASA , ELE NAO VOARÁ.ARRUME ALGUMA ARGOLA,ANEL,CORDÃO, QUALQUER COISA PARA ELE BRINCAR. NO MEU CASO EU PEGUEI UMA ARGOLA E COLOQUEI  NUMA CORRENTE, E SE ELE TE BELISCAR CORRIJA NA HORA. DEPOIS DE ALGUNS DIAS, NO QUARTO FAZENDO ISSO,POR UMA HORA AO DIA, VOCE VAI PEGAR ELE NA MÃO E VAI POR NO DEDO, QUANDO VOCE POR ELE NO DEDO ANDE PELO QUARTO PARA ELE NAO FICAR INSEGURO E VER QUE DE AGORA EM DIANTE, ELE NÃO DEPENDE MAIS DAS ASAS E SIM DE VOCE…DEPOIS ENSINE TRUQUES PARA ELE E CADA VEZ Q ELE FIZER CERTO, VOCE ELOGIA E DÊ UM BRINQUEDO PARA ELE…
fonte Bichosbrasil
4)Outras fontes de pesquisa sobre adestramento universodascalopsitas
Calopsitas podem assobiar e, raramente, falar. Mas isso varia muito de exemplar para exemplar, além de exigir dedicação do dono. Algumas pessoas usam fitas cassetes, CDs e programas de computador para ensinar suas calopsitas a falar.A única recomendação sobre o convívio entre Calopsitas e humanos é em relação à crianças pequenas e pouco acostumadas a lidar com aves. É preciso orientá-las para evitar que machuquem as Calopsitas caso as peguem na mão e também para que não as estressem com atitudes bruscas, como bater no viveiro ou gritar muito alto. Atitudes como essas deixam as aves apavoradas e desconfiadas com pessoas.São facilmente domesticadas quando jovens, e raramente bicam quando assim domesticadas.Quando perturbadas, as calopsitas mansas apenas gritam ou beliscam o dedo. As calopsitas reconhecem bem as pessoas, e costumam ser particularmente fiéis à pessoa que cuida e treina. Para que elas se liguem a todos membros da família, elas devem ser manipuladas por todos.
atenção
Veja o que significa cada expressão de sua calopsita:
Silvos: medo, sinal de alerta para ficar sozinha.
Eriçar penas e balançar o corpo: relaxar tensão.
Dormir sobre 1 pé e com a cabeça para trás: normal e saudável.
Balançando a cauda para os lados, abrindo as penas: contente ou mostrando interesse em algo.


Cuidados a Calopsita - (Australian Cockatiel)

Brinquedos para Calopsita:

Um dos principais e talvez o mais essencial para os pássaros são os brinquedos, pois são os grandes responsáveis pelo bem estar e a saúde de seus pássaros. 
Um pássaro que vive ao redor de brinquedos, nota-se que apresentam melhores desempenhos em suas atividades, habilidades e até mesmo reduz os gritos que são um dos grandes fatores de reclamações de vizinhos.

Os ciclos habituais e diários de um pássaro normalmente são:

- Descansando
- Cuidando de sua aparecia (Penas, Unhas, Bicos).
- Interagindo com outros pássaros
- Procurando o que bicar
- Comendo.

Podemos notar que o tempo é muito amplo tratando-se apenas dos itens acima para os pássaros e principalmente de psitacídeos como: calopsita, agapornis, papagaios, cacatuas entre outros.

No dia-a-dia desses pássaros, podemos notar nitidamente que a maior parte do tempo passam arrumando suas penas o que pode ser saudável e ao mesmo tempo preocupante, pois em alguns casos, falando especificamente das calopsitas isso pode se tornar um problema quando começam a mastigar suas penas e conseqüentemente a arrancá-las deixando seu corpinho sem penas e até mesmo com feridas.

É neste caso que entra os brinquedos que deixa seu pássaro totalmente ocupado com atividades sadias e também estimular suas habilidades e inteligências fazendo com que eles adorem esses desafios.

Para muitos médicos especialistas em “medicina veterinária”, classificam os brinquedos como “atividades ocupacionais” deixando os pássaros mais ativos e totalmente sadios.


 
Os brinquedos são classificados hoje como:

Para estimular as habilidades:

Bolas, Cubos entre outros brinquedos que contenham orifícios para buscar alimentos e outros objetos que atraem os pássaros e ajudam a estimular suas habilidades de como chegar até o local para ganhar seu prêmio o que torna um dos brinquedos mais interessantes do mercado bird.

Para Roer:

Brinquedos de madeira com corda ou bolinhas na maior parte das confecções que ajuda o pássaro se entreter roendo para afiar seus bicos e muitas vezes para acalmá-los, (são os brinquedos mais aceito no mercado por serem mais acessíveis e oferecem ótimos momentos de lazer e entretenimento ao seu pássaro).

Para ajudar no condicionamento físico:

Poleiros com cordas, escadas e muitos outros que ajudam no desenvolvimento de suas habilidades e naturalmente nos seus exercícios.

Devemos ter sempre no viveiro, brinquedos que contenham essas características e que ajude no desenvolvimento dessas habilidades para seu pássaro ter uma condição de vida melhor.

Sempre que colocar novos brinquedos para os pássaros, procure deixá-lo longe da sua área de alimentação, pois em alguns casos (principalmente pássaro que nunca teve brinquedo), possa se assustar de momento com a novidade e como está bem ao lado de sua fonte alimentar, poderá deixar de comer ou beber água, pois estará com medo de aproximar-se do brinquedo.


 
Já o filhote é mais diferente, pois eles aceitam melhor e conforme crescem começam a explorar mais o seu brinquedo, playgrounds, etc. Devemos sempre manter um rodízio dos brinquedos no viveiro para que seu pássaro não venham perder os estimulo pelo brinquedos e assim deixá-lo de lado.

A cada duas semanas retire o brinquedo e coloque outro no lugar fazendo com que ele se interesse mais. 

Lembramos que ao adquirir brinquedos, procure buscar profissionais no assunto que contenham histórico na confecção de brinquedos de qualidade, testados e totalmente livres de toxidades.

Brinquedo é mais vida para seus pássaros !


2 comentários:

  1. ola pessoal, parabens pelo texto, gostaria de saber se eu posso disponibilizar esse texto para os clientes do http://www.petlove.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pode sim , esse blog foi criado para isso ,obrigado pelo elogio

      Excluir